sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

Há dias em que...


"O maior prazer de um homem inteligente é armar-se em idiota diante de um idiota que se arma em inteligente"

2 comentários:

Um pedaço de azul... um BloGui diferente disse...

Oi... desde o post do 5 de jan que não vinha cá... continuo a espantar-me contigo...
beijos

deep disse...

Porque há dias assim, em que ao acordar encontramos um único comentário que é da mana... só me resta agradecer com uma oferta, que podes postar aqui:

Poema sobre a recusa

Como é possível perder-te
sem nunca te ter achado
nem na polpa dos meus dedos
se ter formado o afago
sem termos sido a cidade
nem termos rasgado pedras
sem descobrirmos a cor
nem o interior da erva.

Como é possível perder-te
sem nunca te ter achado
minha raiva de ternura
meu ódio de conhecer-te
minha alegria profunda.

(Maria Teresa Horta)

Beijocas e bom domingo (há neve na serra!).